user_1077398673

Promoção EIH, FAZ UM PIX AÍ!!!

A Joao Pesso FM   está com uma super promoção, Promoção EIH, FAZ UM PIX AÍ!!!
Vamos te presentear com um pix de cem reais!!!
Isso mesmo, um pix de duzentão!!!
Participe da nossa programação e peça sua musica ELKE que estará concorrendo.
Joao Pessoa FM a sintonia da capital

piscinas-naturais-do-bessa-conhecida-como-caribe-paraibano-e-possivel-realizar-passeios-ecologicos-e-aquaticos-como-stand-up-paddle-e-caiaque-nos-recifes-5-scaled

Paraíba: João Pessoa e suas belezas mais secretas

Paraíba, tão ou mais bela que as outras capitais do Nordeste, é detentora de praias maravilhosas, charmosas, pouco exploradas e, o melhor, calmas.

Cidades como a capital João Pessoa, Cabaceiras, Araruna, Areia e Campina Grande surpreendem o turista pela generosidade de biomas, seja no litoral, caatinga ou mesmo no agreste.

João Pessoa possui praias e paisagens surpreendentes e ainda pouco exploradas pelos turistas –por esse motivo são tão exuberantes–, sendo um daqueles lugares que encanta qualquer visitante, pois consegue harmonizar as belezas naturais com traços de modernidade, sossego e aconchego. É a típica cidade que você tem que ver para crer e vivenciar tudo que ela proporciona.

A principal vantagem de João Pessoa sobre a maioria das capitais nordestinas é que não é preciso sair da cidade para aproveitar as melhores praias.

Crédito: Eduardo AndreassiNa piscinas naturais do Bessa é possível realizar passeios ecológicos e aquáticos como stand Up paddle e caiaque nos recifes

Conhecida por ser uma cidade calma, cheia de belezas naturais e de povo caloroso e hospitaleiro, João Pessoa tem despontado como um refúgio ideal para quem quer morar bem.

Com uma excelente estrutura –inúmeros bares, restaurantes, hotéis, receptivos de passeios, aeroporto internacional, transporte público, centro de apoio aos turistas-– é carinhosamente (e não por menos) chamada de “Jampa”, sendo local ideal para pessoas que procuram sossego, segurança e belas paisagens.

Pelo fato de João Pessoa estar localizada no extremo oriente da América do Sul, é a primeira cidade do país a receber os raios de sol durante as manhãs, por volta das 5h.

João Pessoa

Crédito: Eduardo AndreassiAmanhecer em João Pessoa, a primeira cidade do país a receber os raios de solares

E é exatamente por isso que o movimento na cidade começa cedo, onde dezenas de pessoas transitam nos calçadões e ciclovias das praias, seja caminhando, fazendo exercícios, andando de bike ou patins.

Durante o dia proporciona muito lazer e beleza para quem freqüenta sua orla e os convidativos passeios de barco que os leva para as piscinas naturais, popularmente conhecidas como o “Caribe Paraibano”. Afinal, além da calmaria do mar verde-azulado, suas águas mornas são um convite à parte para um bom mergulho e muita diversão.

Já de noite, sua famosa – e deliciosa- gastronomia e uma vida noturna agitada atraem turistas sem deixar de lado aquele ar de cidade acolhedora, pacífica e bastante receptiva. Um quesito muito importante para o turismo local.

Centro Histórico de João Pessoa

Fundada em 1585 às margens do rio Sanhauá, o centro histórico de João Pessoa é reconhecido como Patrimônio Nacional desde 2007, sendo um dos maiores e mais importantes sítios históricos do país e de grande importância na época da colonização do Brasil.

João Pessoa

Crédito: Eduardo AndreassiIgreja de São Francisco, um dos mais importantes complexos barrocos do país

A partir da segunda metade dos anos 1960, com a ocupação da orla, a economia da área perdeu um pouco de sua importância de outrora. Os bairros do centro comportam a maior parte das áreas que são objeto de tombamento pelos órgãos de proteção ao patrimônio: dentre elas, como a Rua das Trincheiras e as proximidades da Rua Odon Bezerra, no bairro de Tambiá.

João Pessoa

Crédito: Eduardo AndreassiO Convento e Igreja de Nossa Senhora do Carmo, ambos construídos no século 16 e tombados pelo IPHAEP (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico da Paraíba)

Dicas: Tire meio dia para visitar essa parte de João Pessoa e conhecer um pouco da importância dessa cidade nos tempos do Brasil Colônia. Aproveite e visite algumas construções que compõem o rico conjunto arquitetônico da capital. Entre as preciosidades, a Igreja de São Francisco, que levou 200 anos para ficar pronta e a igreja de Nossa Senhora do Carmo.

Praias

A Paraíba possui 130 km de litoral, com mais de 60 praias que esbanjam no quesito beleza e tranquilidade.

Nos arredores de João Pessoa ficam praias como a do Coqueirinho –uma das mais bonitas do Brasil– e a de Tambaba, dedicada ao naturismo.

 

Jovem-Guarda--600x400

Jovem Guarda: entenda movimento que uniu Erasmo, Roberto e Wanderléa

Erasmo Carlos morreu aos 81 anos nesta terça-feira (22/11), e é impossível falar desse grande músico brasileiro sem lembrar da Jovem Guarda, movimento musical e cultural dos anos 1960 e 1970, que tinha o artista, Roberto Carlos e Wanderléa Salim como figuras centrais.

Como estilo musical, a Jovem Guarda sofreu influência do rock e se inspirava em músicas de cantores como Elvis Presley, Rolling Stones e Beatles.

Apesar de popular entre os jovens, o ritmo não era bem-visto pelos críticos musicais. Mesmo assim, tornou-se um dos mais populares do Brasil e tinha os principais meios de comunicação como difusores.

A Jovem Guarda começou no Bairro da Tijuca, no Rio de Janeiro (RJ). Ali, o grupo de amigos Roberto Carlos, Erasmo Carlos, Tim Maia e Jorge Ben se encontrava, mas nem imaginava que, impulsionadas por eles, inúmeras bandas de rock surgiriam no país.
4_Portal-copiar-1_48475523c42b651048298d7fe04c56d5

Consumo de rádio online no Brasil avança 186% em apenas dois anos

Dados são da Kantar IBOPE Media e comparam 2021 com 2019. E 28% dos ouvintes afirmam que o online mudou a forma como escutam rádio

O consumo de rádio no Brasil não está alto apenas no dial. A Kantar IBOPE Media lançou ontem (19) um estudo que mostra o avanço no consumo de rádio online, ou seja, via serviços como o streaming de áudio. O Data Stories “Rádio Online: O som do novo” apontou um crescimento de 186% consumo online de rádio em 2021, em relação a 2019, último ano antes da pandemia da covid-19. E dispositivos como smartphones e tablets são as principais fontes utilizadas para se conectar ao áudio on-line das emissoras de rádio brasileiras. Acompanhe os insights:

Entre os ouvintes de rádios online pesquisados pela Kantar IBOPE Media, 57% afirmaram que consomem o áudio digital das emissoras através de um smartphone ou tablet. Já 35% afirmaram utilizar um desktop/laptop e 14% outros dispositivos (fatia que pode contar com as smart speakers, por exemplo, que estão avançando em consumo em vários países, inclusive no Brasil).

Entre todos os ouvintes de rádio pesquisados, 36% deles afirmaram que possuem aplicativos de rádio instalados em seus dispositivos em 2021. Para se ter uma ideia desse avanço, o valor era de 19% em 2017 segundo o estudo da Kantar IBOPE Media, representando um avanço de 86% nos últimos cinco anos.

“Essa transformação constante fortalecida pelo online trouxe um potencial incrível para que o Rádio alcance uma grande quantidade de ouvintes, seja online, no dial ou nos dois formatos”, destaca a apresentação do levantamento.

O Data Stories ainda destaca que 46% dos brasileiros ouvem o meio via dial e 12% optam pela versão digital. Enquanto isso, 51% usam alguma, ou as duas, modalidades. O recorte é diferente do Book de Rádio da própria Kantar IBOPE Media, que apontou que o rádio alcançou 80% dos brasileiros em 2021.

6738_download-1-png

Tony Show volta à cena em nova rádio popular: João Pessoa FM

No próximo mês de dezembro, estreia uma nova rádio no dial da capital do estado: a João Pessoa FM. A emissora é resultado das mudanças que vêm sendo promovidas no espectro de frequências, segundo lei outorgada pela presidente Dilma Rousseff, em 2013, que permitiu a migração das antigas AMs para a faixa de FM (frequência modulada). Neste caso, a rádio João Pessoa é filha da “transferência” da outrora Aliança AM para os 97,7 megahertz da FM. Esse processo já está em fase de finalização, e vai colocar no ar uma nova rádio de perfil popular.

No comando da programação, a Rede Paraíba firmou parceria com um nome tradicional da área, o comunicador Tony Show, famoso por sua passagem nas rádios e TV do Sistema Correio e no comando da Líder FM de Santa Rita. Entusiasmado com as possibilidades dessa nova fase, Tony já antecipa a volta de seu “Programa Tony Show”, com sua testada e aprovada fórmula de mesclar música, informação e a participação dos ouvintes, em quadros como “Fala Povo!”, que trouxe fama e audiência ao apresentador. “Vem aí, a João Pessoa FM: a sintonia da capital”, exulta Tony Show, como quem já antecipa um ótimo slogan.

image_Zask3Fl

“Não sinto o envelhecer como um fardo”

Elba Ramalho é cantora e compositora. Começou a carreira no fim dos anos 1960, com o grupo As Brasas. Nos anos seguintes, o conjunto feminino se transformou em um musical de teatro. A artista começou a despontar no Nordeste e alcançou fama nacional ao lançar o primeiro álbum, Ave de Prata (1979).

Ao longo da década de 1980, lançou diversos discos, vendeu milhões de cópias e consolidou-se como uma das principais cantoras do Brasil. Entre os maiores sucessos, estão canções como De Volta para o Aconchego, Banho de Cheiro e Ciranda da Rosa Vermelha. Muitas de suas músicas foram temas de novelas e alcançaram o público no exterior.

Na década de 1990, bombou com o álbum O Grande Encontro (1996), ao lado de Alceu Valença, Geraldo Azevedo e seu primo, o também cantor Zé Ramalho. A parceria com os intérpretes se repetiu em outras ocasiões. A carreira também ficou marcada por trabalhos como atriz, a exemplo do especial Morte e Vida Severina (1981), na Globo.

Foi casada com o ator Maurício Mattar, de 1983 a 1990, e com o modelo Gaetano Lopes, de 1996 a 2008. Também namorou o sanfoneiro Cezinha, de 2008 a 2010. Em 2019, assumiu o relacionamento com o professor de yoga Rodrigo Palazzo. Tem quatro filhos: Luã Mattar, Maria Esperança Lopes, Maria Clara Lopes e Maria Paula Ramalho.